Normas para Registro de ponto de funcionario

Tem alguma dica para o uso do Excel? Algum atalho especial? Algum macete? Aqui é o lugar para você compartilhar!

Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Qui Mai 24, 2018 10:13 am

Prezados
Vi que constantemente alguem pede uma planilha para registro de ponto de funcionários. no entanto apesar de termos diversos tópicos até hoje creio que não tempos uma planilha que atenda perfeitamente a todos os requisitos. Eu tenho uma planilha que comecei a elaborar esta bem avançada mas precisaria de testes e ajustes. já ate postei uma vez com o intuito de fazermos um trabalho colaborativo mas não aconteceu.

Assim sendo. vou simplesmente postar as regras que conheço a respeito desse assunto. (NÃO TRABALHO COM REGISTRO DE PONTO MAS FIZ CURSO DE DEPARTAMENTO DE PESSOAL.)

O que é jornada de trabalho?
Jornada de trabalho é o espaço de tempo durante o qual o empregado deverá prestar serviço ou permanecer à disposição do empregador. A jornada deve ter no máximo 8 horas por dia e 44 horas por semana, salvo nos casos específicos como Telefonista, Professor , Jornalista e etc. O que passar deste limite e não for objeto de compensação será considerado hora extra, conforme determina o Inciso XIII, Art. 7º da Constituição Federal e Artigos 58,227,303,304 e 318 da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho.

O que é tolerância no horário de marcação de ponto?
A tolerância é um período estabelecido legalmente, que não será considerado nem como horas extra, nem como atraso, nas entradas e saídas dos colaboradores. Sua empresa deve obedecer a uma tolerância de cinco minutos em cada marcação, observando-se um limite de 10 minutos diários, por exemplo: o funcionário chega 4 minutos atrasado pela manhã, 7 minutos no almoço, será descontado 11 minutos pois o total superou a tolerância diária. O mesmo se aplica as horas extras, de acordo com as informações contidas no § 1º, Art. 58 da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho.

Banco de horas ou pagamento de horas extras?
Depende do seu negócio. Em alguns seguimentos, o banco de horas é homologado em acordo coletivo, entre empresas e sindicato. Em outros, o pagamento de horas extras é obrigatório. No sistema de banco de horas, junta-se as horas trabalhadas a mais e depois as compensa, trabalhando menos no dia seguinte, ou em outra data de comum acordo com a gerência. Para o pagamento de horas extras deve-se observar se ela é 100%, quando feitas em feriados, por exemplo, 50% e o limite estipulado por lei que cada classe de funcionários pode fazer de horas extras, sendo normalmente são duas por dia.

Com um controle de ponto bem organizado, sua empresa se resguarda de futuros questionamentos, reclamatórias trabalhistas ou multas. Você também pode usar isso para controlar as horas trabalhadas e entender como está o rendimento do seu time para buscar alternativas de melhorar os resultados e garantir que todos trabalhem motivados e felizes. Já pensou nisso? Como você controla o ponto na sua empresa? Deixe seus comentários e compartilhe suas experiências com a gente.

Peço se alguem for conhecedor desse assunto me auxilie com seu conhecimento para que possamos compartilhar conhecimentos

Próximos tópicos
1) Horas extras (50% e 100%) e seus reflexos
2) HORAS EXTRAS NOTURNAS
3) Adicional noturno

Espero que ajude.
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]

For this post the author rilust thanked: 4
EdsonBR (Ter Jun 12, 2018 6:20 pm) • Eliane.D (Seg Mai 28, 2018 9:04 pm) • PCTAPUIA (Sáb Out 13, 2018 11:17 am) • Radecmon (Qui Jul 26, 2018 6:20 pm)
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times

{ SO_SELECT }

Re: Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Ter Jun 12, 2018 4:41 pm

Prezados

Esse é um topico complexo pois possui diversas regras a serem aplicadas para que a planilha esteja correta.
1) Deve-se abonar atrasos que somem até 10 minutos
2) Deve haver a liberação de horarios e faltas
3) Deve-se contar horas extras o que exceder as 8 horas diarias até as 22 hrs
4) O que ultrapassar as 22 horas deve-se contar como adicional noturno

È um tópico que se repete muito no forum mas dada sua complexidade e a falta de pessoas interessadas em efetuar uma planilha colaborativa, isto é, as pessoas estariam fornecendo conhecimentos e ajudando corrigindo formulas e sugerindo melhorias não foi possível desenvolver uma planilha que abranja todas as possibilidades o que se tem no forum são diversas planilhas com soluções parciais mas a grande maioria esta incorreta (levando-se em conta as regras de departamento de pessoal.

Já postei, anteriormente, uma planilha que comecei a desenvolver porem ninguém se prontificou a ajudar ou esclarecer as dúvidas que tive.

Veja por exemplo esse tópico. ate hoje 39 pessoas visualizaram mas ninguem postou nada. (so 2 pessoas agradeceram). assim sendo nem continuei a postar as regras que conheço.

Caso haja interesse, prontifico-me a retomar esse projeto.
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times

Re: Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Sex Jun 21, 2019 10:19 am

LEMBRANDO QUE OS CONHECIMENTOS AQUI foram obtidos em curso que fiz de DP e pesquisas efetuadas na internet não trabalho COM DP. e que não pesquisei as alteraçoes das novas regras o com as mudanças recentes

Antes de começar abordar os calculos propriamente ditos se faz necessário explicar algumas coisas: a jornada de trabalho, normalmente é de 8 horas diaria porêm existe a possibilidade de um acordo de compensação de horário para que o colaborador cumpra as 44 horas semanais de segunda a sexta. Esse acordo deve ser assinado pelo colaborador. Desse modo a jornada estende-se sem que seja considerada HORAS EXTRAS.

JORNADA DE TRABALHO CONCEITO:
A jornada de trabalho corresponde ao período em que o empregado está obrigado a cumprir as tarefas que lhe foram atribuídas pelo empregador.A fixação da jornada deve estar prevista no contrato de trabalho celebrado entre as partes, não podendo, todavia, ultrapassar os limites estabelecidos na legislação vigente.

DURAÇÃO DA JORNADA:
A Constituição Federal, promulgada em 05/10/88, diminuiu de 48 horas para 44 horas, a duração da jornada de trabalho semanal, tendo sido mantido em 8 horas o limite da jornada normal diária.

REPOUSO SEMANAL REMUNERADO:
Todo trabalhador urbano, rural ou doméstico faz jus ao Repouso Semanal Remunerado (RSR), preferencialmente aos domingos - CF/88, art. 7º, XV. Referido período de descanso será de 24 (vinte e quatro) horas consecutivas.
Por força do disposto na Lei 605/49, todo empregado terá direito, mediante o cumprimento de algumas condições, a um repouso semanal remunerado – O RSR.
Determina a lei acima mencionada, que, para o empregado ter direito a este recebimento, deverá cumprir na íntegra sua jornada de trabalho, ou seja, não poderá ter faltas ou atrasos injustificados.
São requisitos para a concessão do DSR:
- descanso consecutivo de, no mínimo, 24 (vinte e quatro) horas;
- uma vez por semana, preferencialmente aos domingos;
- os feriados também são considerados descanso semanal remunerado e deverão receber o mesmo tratamento.
Importante ressaltar que a Lei 605/49, determina que o repouso semanal deverá recair preferencialmente em dias de Domingo, mas, se por ordem técnico-operacional não for possível, deverá o empregador elaborar escala de revezamento entre seus empregados, para que, periodicamente os obreiros tenham o direito de desfrutar o seu repouso semanal em dia de Domingo, buscando assim o legislador, privilegiar o encontro familiar.

Caso o empregado preste, habitualmente, horas-extras, o empregador terá que calcular o reflexo das mesmas sobre o Repouso Semanal Remunerado.

Súmula TST Nº 172 REPOUSO REMUNERADO. HORAS EXTRAS. CÁLCULO - Computam-se no cálculo do repouso remunerado as horas extras habitualmente prestadas.

Prestar horas-extras habitualmente significa que o empregado todo mês têm a sua jornada de trabalho prorrogada por algumas horas.

Se essas horas extras são esporádicas (só de vez em quando) o reflexo no RSR não é devido.
Em caso de horas-extras habituais, o cálculo do reflexo das mesmas no DSR será o seguinte:

Reflexo H.E RSR = (Valor horas extras / dias úteis) x dias de repouso.

Entendam-se por dias úteis os dias da semana que vão de segunda à sábado, independente do empregado só trabalhar de segunda a sexta.

Por derradeiro, acerca do Descanso Semanal Remunerado, devemos ressaltar que caso o empregado venha a não cumprir sua jornada de trabalho semanal, e desde que as faltas ou atrasos não estejam legalmente justificadas, o empregador terá o direito de descontar do pagamento do obreiro, os valores respectivos à folga semanal.

INTERVALO ENTRE AS JORNADAS DIÁRIAS
Entre duas jornadas de trabalho, para o mesmo empregador, deverá ser observado um período mínimo de 11 horas consecutivas para descanso, conforme artigo 66 da CLT.

Importante ressaltar que a Lei 605/49, determina que o repouso semanal deverá recair preferencialmente em dias de Domingo, mas, se por ordem técnico-operacional não for possível, deverá o empregador elaborar escala de revezamento entre seus empregados, para que, periodicamente os obreiros tenham o direito de desfrutar o seu repouso semanal em dia de Domingo, buscando assim o legislador, privilegiar o encontro familiar.

Caso o empregado preste, habitualmente, horas-extras, o empregador terá que calcular o reflexo das mesmas sobre o Repouso Semanal Remunerado

Prestar horas-extras habitualmente significa que o empregado todo mês têm a sua jornada de trabalho prorrogada por algumas horas.

Se essas horas extras são esporádicas (só de vez em quando) o reflexo no RSR não é devido.
Em caso de horas-extras habituais, o cálculo do reflexo das mesmas no DSR será o seguinte:

Reflexo H.E RSR = (Valor horas extras / dias úteis) x dias de repouso.

Entendam-se por dias úteis os dias da semana que vão de segunda à sábado, independente do empregado só trabalhar de segunda a sexta.

Por derradeiro, acerca do Descanso Semanal Remunerado, devemos ressaltar que caso o empregado venha a não cumprir sua jornada de trabalho semanal, e desde que as faltas ou atrasos não estejam legalmente justificadas, o empregador terá o direito de descontar do pagamento do obreiro, os valores respectivos à folga semanal.
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times

Re: Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Sex Jun 21, 2019 10:23 am

PRORROGAÇÃO DA JORNADA DE TRABALHO:
A jornada diária de trabalho pode ser acrescida de horas suplementares em número não excedente a duas, mediante acordo escrito entre empregado e empregador ou contrato coletivo de trabalho.Salvo os casos de compensação de horário às horas excedentes à jornada normal são consideradas extraordinárias, devendo ser pagas com o acréscimo de, pelo menos, 50% sobre o valor da hora normal. Note-se que poderão ser contratadas com os empregados, simultaneamente, a compensação e a prorrogação(hora extra).
Na hipótese de ter sido contratada uma jornada inferior à máxima permitida, a prorrogação não poderá ir além de duas horas diárias.
Obs.: As horas extras prestadas habitualmente durante pelo menos um ano, se suprimidas, asseguram ao empregado o direito à indenização que corresponderá ao valor de um mês das horas suprimidas para cada ano ou fração igual ou superior a seis meses de prestação de serviço em horário extraordinário.

ACORDO PARA COMPENSAÇÃO DE HORAS DE TRABALHO:
Este documento deverá ser assinado entre as partes, quando o empregado for cumprir jornada de trabalho, de forma que venha a trabalhar um pouco mais durante a semana, para compensar a jornada de outro dia, via de regra o Sábado. É de fundamental importância a assinatura deste acordo, pois, conforme veremos no capítulo JORNADA DE TRABALHO, de acordo com nossa Constituição Federal, o empregado poderá trabalhar, no máximo, 08 (oito) horas por dia, salvo nos casos de compensação de horas. Desta forma, se o empregado trabalha, por exemplo, 8:48 horas por dia de Segunda a Sexta-feira, compensando assim o Sábado, deverá no momento de sua admissão assinar este acordo, pois de modo contrário, mesmo que sua jornada de trabalho semanal não exceda as 44 (quarenta e quatro) horas, todos os minutos que ele trabalhar diariamente além das oito horas legais, deverão ser pagos a título de horas extraordinárias.
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times

Re: Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Sex Jun 21, 2019 10:29 am

HORAS EXTRAS 50%
1) VALOR HORA Normal = REMUNERAÇÃO BRUTA / 220
2) Adicional Hora Extra = Valo Hora Normal * 50%
3) Valor H.E. = Valor Hora Normal + Adicional Hr Extra
4) Valor Total H.E.= VaLor H.E * Quantidade H.E Realizadas

HORAS EXTRAS 100%
1) VALOR HORA Normal = REMUNERAÇÃO BRUTA / 220
2) Adicional Hora Extra = Valo Hora Normal * 100% ==> ou 2 Vezes o valor
3) Valor H.E. = Valor Hora Normal + Adicional Hr Extra
4) Valor Total H.E.= VaLor H.E * Quantidade H.E Realizadas

REFLEXO HORAS EXTRAS DSR
(Valor Total H.E. / Quantidade Dias Uteis) * Quantidade DSR
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times

Re: Normas para Registro de ponto de funcionario

Mensagempor rilust » Sex Jun 21, 2019 10:58 am

salario R$ 1.500,00 ==> 16 horas extras 50 %
horas extras 50%
VL H.E. = 1500/220 ==> 6,82
ADC H.E. = 6,82 * 50% ==>3,41
VL TOT H.E.= 8,62+ 3,41 ==>10,23
VALOR H.E. 50% 10,23 * 16 ==> 163,64

REFLEXO H.E.
QTD DIAS UTEIS 26
QTD DIA DSR 4
VALOR FOLHA (163,64/26) * 4==>25,18

SALARIO r$ 1800,00 18 HR HE. 50 % 5 H.E 100%
H.E. - 50%
QTD HORAS 18,00
VL H.E. 1800/ 220 ==> 8,18
ADC H.E. 8,18 * 50% ==> 4,09
VL TOT H.E.8,18 +4,09 ==> 12,27
VALOR H.E. 50% 18 *12,27==> 220,91

H.E. DESCANSO 100%
QTD HORAS 5,00
VL H.E.1800/ 220 ==> 8,18
100% ==> 8,18
VL TOT H.E.8,18 + 8,18 ==> 16,36
VALOR H.E. 100%= 16,36 * 5 ==>81,82
VALOR TOTAL HORAS EXTRAS = 220,91 + 81,8==> 302,73

REFLEXO H.E.
VL TOTAL H.E. 302,73
QTD DIAS UTEIS 27
QTD DIA DSR 4
VALOR FOLHA 44,85
Espero ter Ajudado.
Lembre-se de AGRADECER aos que te ajudaram, e de marcar o tópico como [Resolvido]
rilust
Membro
Membro
 
Mensagens: 458
Registrado em: Ter Jun 16, 2015 5:23 pm
Has thanked: 96 times
Have thanks: 169 times


Voltar para Dicas & Macetes

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante